Quando a ansiedade diminui, vemos claramente

Quando a ansiedade diminui, vemos claramente

Quando começamos a perceber o mundo dos fenômenos, com um senso de bondade fundamental, paz e beleza, o conflito começa a diminuir e nós começamos a perceber o nosso mundo de forma clara e completa. Não há dúvidas, não há obstáculos. Quando a ansiedade diminui, as percepções sensoriais se tornam viáveis porque elas não são mais distorcidas por nenhuma neurose. Através da prática da meditação, podemos nos relacionar com os nossos pensamentos, nossa mente e nossa respiração e começar a descobrir a clareza de nossas percepções sensoriais e do nosso processo de pensamento.

Chögyam Trungpa Rinpoche

Extraído do livro “Unconditional Beauty: The Dharma Art Teachings and Artworks of Chögyam Trungpa Rinpoche”, da revista Shambhala Sun magazine em Janeiro de 2013.

Publicado por

Leonardo Ota

☸️Fundador do Sobre Budismo, praticante do Budismo desde 2011, venho ajudando simpatizantes e iniciantes no #Budismo a entrarem em contato com as práticas e os ensinamentos de #Buda (Dharma).

Acompanhamento Online (Tutoria)

Se na sua cidade não tem grupos budistas, você é simpatizante ou iniciante no budismo, não sabe por onde começar e quer uma direção para iniciar sua jornada, passo a passo, em grupo, do básico ao avançado, clique no botão a seguir:

3 comentários em “Quando a ansiedade diminui, vemos claramente”

  1. Leonardo parabéns pelo blog! muito bom!! gostei bastante desse tema que liga ansiedade e meditação. Me chamo Otávio Madeira e procuro realizar práticas de meditação diárias, nem sempre consigo por conta da ansiedade, talvez porque tomei a decisão de estudar integralmente para concurso e essa situação e todas as suas implicações gera muita anisedade, principalmente depois de alguns anos passados, seja de passar, seja de lidar com a pressão, e tantas outras consequências. O ideal é vivenciar o presente sempre, porém é bem difícil em alguns momentos. Obrigado pelos textos! um grande abraço!

Deixe o seu comentário