fbpx
Sobre Budismo
Posts antigos

Conselhos mágicos para os relacionamentos

Texto extraído do Facebook oficial de Kyabgön Phakchok Rinpoche.

– Cuidar
– Dividir
– Entender
– Respeitar
– Um pitada de ciúme
– Não se comparar muito aos outros
– Desfrutar, mas não ser muito egoísta e nem ter muitas expectativas
– Estar livre de julgamento
– Ausência de ego (significa estar sem o ego, trabalhando juntos sem estar apegado as suas próprias idéias. Não lutando um com o outro ou tendo problemas que são baseados apenas em suas fortes opiniões. Você tem que abrir mão do seu “eu” para amar o outro.)
-Pense sobre a impermanência, isso é muito importante.


VOCÊ GOSTARIA DE TER UM ACOMPANHAMENTO ONLINE, EM GRUPO, COM UM TUTOR, DENTRO DE UMA ESTRUTURA ORGANIZADA, PASSO A PASSO COM ENSINAMENTOS BUDISTAS DO BÁSICO AO AVANÇADO?


ESSE CONTEÚDO TE BENEFICIOU OU GEROU ALGUM VALOR? SE A RESPOSTA FOR SIM, PODEMOS PEDIR SEU APOIO?

O Sobre Budismo é um projeto sem fins lucrativos. Nossa missão é compartilhar a sabedoria dos ensinamentos do Buda, mestres e mestras contemporâneos - inspirar, confortar, apoiar e esclarecer os temas budistas aos leitores. Nossa aspiração é manter o SobreBudismo.com.br disponível para todos, inspirando e apoiando o acesso a todos os interessados, de iniciantes e simpatizantes a meditadores comprometidos. Você compartilha da nossa aspiração? Não podemos fazer isso sem o seu apoio.

O Sobre Budismo é independente, imparcial, voluntário, sem fins lucrativos e é suportado por leitores e ouvintes como você. Faça uma doação financeira e ajude a manter todo o nosso conteúdo gratuito e acessível a todos. Você ainda receberá recompensas por isso.


RECEBA NOVIDADES POR EMAIL

Para receber dicas, citações, podcasts, artigos, eventos, dicas de leitura, indicação de filmes, cursos online e presenciais, cadastre-se em nossa lista:

*Você também receberá um manual de meditação passo a passo para iniciantes no email de confirmação.

   

GRUPO TELEGRAM
Quer receber dicas, conteúdo e conhecer outros simpatizantes budistas? Entre no grupo do Telegram clicando no link:
https://t.me/sobrebudismo


Sou praticante do budismo desde 2011, quando criei o projeto Sobre Budismo. Minha missão é te ajudar a despertar sua verdadeira natureza iluminada através dos ensinamentos dos mestres, mestras e do Buda para, assim juntos, beneficiarmos todos os seres.

9 Comentários

  • Fillipe Rafael

    Está aí uma pergunta que sempre me faço: É possível ter um relacionamento amoroso sem apego?
    Eu acho que não, pois que sentido teria un relacionamento se não existe o apego e o desejo? Qual o sentido de manter uma relação amorosa?

  • BIanca

    Olá Filipe.
    O desapego é diferente do amor. Acho que uma das grandes chaves do relacionamento é o desapego. Você quer bem à pessoa, faz bem à ela (e vice-versa) e isso os mantém próximos. Se você que ela pra si é possessão, você a vê como um objeto, e daí pode abrir caminho a várias coisas negativas.

  • Ananias Paiva

    É comum a surpresa de se falar em um relacionamento sem apego, pois somos ensinados pela nossa cultura a olhar para o parceiro como algo que possuímos e que temos como nosso e isso é ilusão, nem seus fios de cabelos na cabeça são seus, tudo nesse mundo é emprestado para a experiência da vida. Ter um parceiro(a) é maravilhoso, desfrutar dos momentos com essa pessoa torna tudo mais intenso, mas é necessário não tornar isso uma obsessão, porque mesmo com essa relação íntima ambos os lados precisam de outras coisas, como visitar os amigos, ter um tempo consigo mesmo e também dá oportunidade à saudade e ter plena consciência que o apego pode ser uma insegurança crônica do medo de perder essa pessoa e essa ilusão é sofrida, pois nada fará uma pessoa ficar com você se ela não quiser, então se preocupar como isso é perca de tempo e por isso escutamos as vezes sem darmos a devida interpretação do que realmente significa amar sem se apegar, você pode amar um passarinho na gaiola, mas seu amor é na base do apego porque você sabe que se abrir a gaiola o passarinho fugirá então você mantém ele preso onde poderá sempre saber onde ele estar e assim amá-lo de sua forma. Se você faz isso com seu parceiro e o sufoca, infelizmente está apenas apressando aquilo que mais teme e isso será inevitável.

    O desejo sexual é maravilhoso mas como tudo na vida com o tempo perde a intensidade de antes, mas se você tem sentimentos pela pessoa como amor, respeito, admiração então o sexo sempre será algo muito interessante e o desejo será aditivado por esses combustíveis ilimitados, então a questão do desejo também dependerá mais do grau da conexão de amor do que sexo.
    O sentido de manter uma relação amorosa é simplesmente amar sem esperar muito como no texto acima, o amor é gratuito e não uma troca comercial, ame por se sentir bem com a pessoa e nunca ame no sentido de possuir a pessoa e aceitar a realidade da impermanência é difícil para a mente, mas é necessário para sua própria libertação espiritual.

  • marcos paulo

    e importante ter o desapego ne uma relação pois, vc nunca sabe se aquela pessoa estará contigo a vida toda. a mente muda.. conceitos mudam dia apos dia.. nada é eterno, nem nos mesmos e gostoso ter uma companhia , mas nessa vida.. nada e nosso.. nem nós mesmos!!

Deixe o seu comentário