Sobre Budismo
Sabedoria budista para o cotidiano

Lista completa de artigos

#178 – É errado sentir raiva?


By Leonardo Ota
Sobre Budismo
Sobre Budismo
#178 - É errado sentir raiva?
/

PERGUNTA: É errado sentir raiva daqueles que são responsáveis pelas guerras, que matam tantas pessoas?

RESPOSTA: Um assassino é tão digno da nossa compaixão quanto a sua vítima. A morte da vítima quita um débito cármico. Por outro lado, o assassino está plantando as sementes para um sofrimento em enorme escala no futuro muito maior do que o de sua vítima e nem sequer se dá conta disso.

Com certeza, tanto a vítima quanto o assassino merecem nossa compaixão.

Uma das maiores preocupações atualmente é alcançar a paz mundial, um fim pelo qual muitos grupos e pessoas batalham, uma atividade de intenções inteiramente nobres.

Todavia, se a agressão se faz presente, se estamos “brigando” pela paz, se um grupo diz ao outro “Vocês não estão criando paz no mundo e por isso vamos nos livrar de vocês”, estaremos tão somente alimentando a raiva que deu origem à ausência de paz desde o início.

Em vez disso, precisamos desenvolver a compaixão e desejo de ajudar a todos os envolvidos.

Nosso empenho para criar paz no mundo dependerá de como nós, como indivíduos, reagimos às situações. Se expressarmos raiva, ódio, aversão e agressão, vamos apenas exacerbar o problema.

Portanto, é importante não só cultivarmos ideais nobres, mas também honrar esses ideais e os incorporar em todos os aspectos da nossa vida.

Ensinamentos de S. Ema Chagdud Tulku Rinpoche


Quer receber conteúdo aprofundado sobre como lidar com a mente agitada e ansiosa, como lidar com as emoções e como se relacionar melhor consigo mesmo, com os outros e com o mundo?

Entre no nosso grupo do Telegram:
CLICANDO AQUI




Nos encontre também: Instagram
Podcast no SoundCloud e vídeo no Youtube