Sobre Budismo : Budismo, meditação, sabedoria e compaixão para o cotidiano

O Budismo de Internet/Facebook


By Jigme Wangchuck (Leonardo Ota)
O Budismo de Internet/Facebook - Blog Sobre Budismo

Imagem: Ayie Permata Sari

Vejo frequentemente conteúdos sem referência sendo postado e compartilhado na internet e principalmente no Facebook.

Várias pessoas compartilham citações sem a pesquisa prévia de fonte segura e isso é muito perigoso, pois pode gerar confusão, inibindo assim a principal função dessas publicações; o aprendizado.

Minha pesquisa diária entre livros, citações e sites, sempre são focando em mestres conhecidos e fontes confiáveis sobre o tema, cuidando para que essas mesmas fontes estejam sempre expostas junto aos posts, garantindo a veracidade do conteúdo.

A necessidade de fonte

Quando compartilhamos alguma informação, devemos escolher fontes confiáveis. Dá mais trabalho procurar por informação de qualidade, no entanto, as pessoas irão confiar mais em você e o seu esforço irá gerar benefícios as pessoas. Quando compartilhamos informações sem fonte, iremos gerar confusão e isso não é legal.

Alguns sites com conteúdo confiável sobre budismo em português:

http://www.cebb.org.br/
http://br.chagdud.org/
http://opicodamontanha.blogspot.com.br/
http://tzal.org/
http://www.lamatsering.org/

A importância do mestre ou de um centro de prática

A internet deve ser nosso apoio e não o veículo principal do nosso caminho. Já li várias pessoas dizendo absurdos como o fato de não precisarmos de mestres ou um centro de prática para seguir no caminho budista. Dizer isso é um grande equívoco, pois não há discernimento nesta afirmação, considerando que os centros de prática nos trazem maior entendimento, vivência e a própria prática em si. Dizer isso é como acreditar que podemos nos curar de uma doença apenas lendo livro de medicina ou assistindo vídeos sobre operações e tratamentos no Youtube.

Poderemos nos perder facilmente sem um mestre ou um grupo/centro de pratica, pois iremos interpretar tudo baseado em nossas experiências e não como o Darma realmente é.

Sugestões

1º – A primeira sugestão é para que você encontre um centro de prática próximo a sua casa e vá visita-lo. O mais importante é, antes de começar a frequenta-lo, é se certificar que não se trata de uma seita ou um grupo controverso. Isso é muito importante.

2º – Se não existir um grupo próximo a sua casa, procure na internet, nos sites que indiquei os retiros ali disponíveis e vá em algum para conhecer o professor e o grupo.

3º – Procure grupos de discussão como o Grupo Sobre Budismo. Lá você poderá perguntar diretamente para mestres e professores qualificados e autorizados a ensinar o budismo.

4º – Assine o feed dos sites indicados para receber novidades e fique sempre atualizado.

5º – Se quiser aprender a meditar o link a seguir possui um vídeo para iniciantes e vários links com bastante conteúdo sobre meditação: Meditação





Nos encontre também: podcast | facebook | instagram | youtube | twitter | email | rss