As Quatro Nobre Verdades: As causas do sofrimento

As Quatro Nobre Verdades: As causas do sofrimento


Pinterest

Nesta oportunidade, gostaria de me concentrar na causa do sofrimento, que é o segundo elemento das Quatro Nobres Verdades. O Buda diz que, na realidade as causas do sofrimento são a ganância, o ódio (ou raiva) e a ignorância. No budismo, chamamos-lhes de três venenos ou três contaminações. Os três venenos podem ser as causas de doenças também. Em japonês, doença é escrita como “Byouki”. “Ki” quer dizer espírito e “Byou” significa doença. Se o seu espírito não está em bom estado, você fica doente. Se você puder se livrar da cobiça, da raiva e da ignorância em seu espírito você poderá ser saudável e feliz.

Em primeiro lugar vamos pensar sobre a ganância. Existem muitos tipos de ganância nas nossas mentes tais como a ganância pelo dinheiro e a ganância pela fama. No entanto, ganhar muito dinheiro ou conseguir fama não é mau. Mas, não é uma prioridade. Você deve saber que se trabalhar muito, com toda a certeza irá conseguir dinheiro e fama.

A ganância é como uma chama de fogo. Na realidade é fácil extingui-la de seu quotidiano. O ponto mais importante é você estar consciente de quando está se tornando ganancioso.

Deixe-me lhes dizer um exemplo simples. Todos conhecem a empresa japonesa de brinquedos Nintendo, que está vendendo um videogame muito interessante chamado “Wii”. Quando a Nintendo começou a vender esse videogame, a minha família, exceto minha esposa, estava realmente animada. Tivemos uma reunião familiar em uma noite depois do jantar e discutimos para saber se iríamos comprar o “Wii” ou não. Nossa filha caçula e eu estávamos ansiosos por um. Então, a minha filha mais velha calmamente nos disse “Esperem. Porque não nos lembramos de quando você, papai, comprou um PlayStation 2 da Sony, e usou o videogame apenas por duas semanas. Daí, após essas duas semanas todos se esqueceram dele e então, ninguém sequer o tocou. Portanto, se comprarmos um “Wii” eu acho que a mesma coisa vai acontecer. Acho que não devemos comprar o videogame.” Depois de ouvir a explicação da minha filha, me tornei consciente de que eu estava ficando apenas ganancioso. Minha mente foi dominada pela ganância. Então agora eu poderia soprar as chamas da cobiça de minha mente. Como resultado, decidimos não comprar o videogame “Wii”.

Agora, vamos pensar sobre a raiva ou ódio. Quando Buda Shakyamuni estava caminhando em uma cidade, um homem que tinha inveja porque ele estava se tornando famoso, foi até o Buda e disse muitas palavras más e de ódio contra ele. O homem tinha o sentimento de ódio e raiva contra Buda. Depois que o homem disse aquilo que ele queria dizer, Buda Shakyamuni disse calmamente para o homem “Eu não vou receber suas palavras. Portanto, estas palavras más são todas vossas”. Então, como é óbvio o homem ficou irritado e bateu os seus pés no chão com frustração. Tenha consciência de que não importa o quanto você está zangado, a raiva em sua mente é toda sua e não de outra pessoa. Basta apagar a chama da raiva de sua mente. Nervoso você não obtém nenhum benefício, mas apenas frustração e estresse.

Sobre o ódio, gostaria de repetir uma frase retirada do antigo sutra chamado Udanavarga que diz: “O ódio nunca chega ao fim se você retribuir o ódio com o ódio. Portanto, a pessoa que conhece o Buda Dharma abandona todo o ódio.”.

Finalmente vamos pensar sobre a ignorância. Nós, seres humanos, somos surpreendidos por acontecimentos inesperados. Quando sabemos que algo vai acontecer, podemos nos preparar para isso. Caso contrário, somos surpreendidos, nos confundimos e acabamos sofrendo. No entanto, somos ignorantes e não sabemos das coisas ou dos acontecimentos que certamente vão acontecer.

Deixe-me dizer um exemplo simples. Uma noite não havia vento. Por isso, muitos cupins foram voando em direção à luz. Muitos deles vieram à porta da minha casa e alguns até mesmo tentaram entrar. Todo em minha família entrou em pânico e saíram gritando. Mas eu sabia que as curtas vidas desses cupins iriam acabar por volta das 9 horas da noite. Eu tentei falar isso, mas elas não acreditaram e continuaram fazendo confusão. Às 9 horas eu pedi para que olhassem para fora. Não encontraram mais cupins voando. Eles já estavam no terreno. Alguns estavam ainda se mexendo e alguns não. O medo passou dos meus familiares passou. Mas e agora, quem vai limpar o terreno? Sim. Os sapos, e dos grandes. Eu sabia que havia grandes sapos ao redor da minha casa. No próximo momento, ouvi alguém gritando lá fora. Ela pensou que havia uma grande pedra, mas, não era. Era um grande sapo!

Se todos os meus familiares soubessem que em noites sem vento, cupins voam e morrem por cerca das 9 horas e que os sapos limpam o terreno, não haveria tanto sofrimento e medo. O conhecimento nos impede de sentir medo e sofrimentos desnecessários. No entanto, se você tem muito conhecimento, mas não sabe como utilizá-lo, ele se torna inútil. Você precisa ter sabedoria para usar o conhecimento. A sabedoria é o Buda Dharma.

Nesta oportunidade, nós aprendemos sobre os três venenos nas nossas mentes que são ganância, raiva (ou ódio) e a ignorância. Vamos acabar com eles e nossas vidas serão saudáveis e felizes.

 

*transcrição de uma palestra do Rev. Shingyo Imai da Nichiren Shu Havaí (Julho de 2007)

 

Categories

3 Comments

Add yours

+ Leave a Comment