A mente iludida


Pinterest

Por S.S. Dilgo Khyentse Rinpoche.

O que nós normalmente chamamos de mente é a mente iludida, um vórtice turbulento de pensamentos chicoteados pelo apego, raiva e ignorância. Esta mente, ao contrário de consciência iluminada, está sempre sendo levada por um engano após o outro. Pensamentos de ódio ou anexo de repente surgem sem aviso, desencadeados por tais circunstâncias, como um encontro inesperado com um inimigo ou um amigo, e se não forem imediatamente dominados com o antídoto adequado, eles rapidamente se enraizam e proliferam, reforçando o predomínio habitual de ódio ou de fixação na mente e na adição de mais padrões cármicos.

No entanto, por mais forte que esses pensamentos podem parecer, eles são apenas pensamentos e acabarão por se dissolver de volta para o vazio. Depois de reconhecer a natureza intrínseca da mente, esses pensamentos que parecem aparecer e desaparecer todo o tempo já não podem enganá-lo. Assim como a forma das nuvens, passam por um tempo, e depois se dissolvem de volta para o céu vazio, tão iludidos pensamentos surgem, permanecem por um tempo, e, em seguida, desaparecem no vazio da mente, na realidade nada aconteceu.

Quando a luz solar incide sobre um cristal, luzes de todas as cores do arco-íris aparecem, mas eles não têm nenhuma substância que você pode entender. Da mesma forma, todos os pensamentos em sua infinita variedade – devoção, compaixão, nocividade, desejo – são totalmente sem substância. Não há pensamento que seja algo diferente do vazio, se você reconhecer a natureza vazia de pensamentos no momento em que surgem, eles vão se dissolver. Apego e ódio nunca serão capazes de perturbar a mente. Emoções iludidas entrarão em colapso por si mesmos. Não há ações negativas sendo acumuladas, de modo que não seguirão o sofrimento.

Categories

3 Comments

Add yours
  1. 1
    Lucas

    E pelo que entendi os pensamentos bons e desejáveis têm de estar sempre sendo reforçados para que nos afetem positivamente, pois são tão efêmeros quanto raiva, o ódio e etc. E quanto aos sentimentos? Há separação entre o que sentimos e o que pensamos na filosofia budista?

    Parabéns pelo seu trabalho, Leandro, continue assim.

  2. 2
    Riani

    “Mente segue pensamento e Energia a Mente”.
    “O mundo grandioso que conhecemos é a creação do pensamento de Deus, a quem imitamos pela criação do nosso mundo pessoal”.
    “O pesamento circula como ondas elétricas, partindo do positivo para o negativo e do negativo para o positivo.A escolha é sua.”—–São máximas de Hermes o trimegistro (Três vezes grande). Por isso não entendi a parte que vc diz que não importa o pensamento que ele entra no vazio?? e mais: ” O pensamento é composto de dois elementos; A IDÉIA e a VIDA. A Idéia é o 1º elemento, o mesmo pensamento em si. A vida é a força de duração e de propagação da Idéia. O pensamento assim constituído tem uma forma própria de Éter.é o seu corpo.”
    Se vc der força a um pensamento ele ganha vida, ele cria!! É o que penso ok??

  3. 3
    Riani

    O que vc chama de Mente iludida, aprendi que temos uma Mente concreta que faz parte do nosso corpo físico(Não estou falando de cérebro e sim do nosso ego) e temos a Mente Abstrata que faz parte do nosso espírito e se ficarmos com a Mente concreta cheia de lixinho não escutamos nosso Mente Abstrata!!

+ Leave a Comment